23 de outubro de 2012

Gastronomia
Entre todos os hábitos e costumes nada mais expressivo e de certa maneira o que sela a identidade cultural de um povo como a culinária. Neste espaço colocaremos pratos marcantes e de forte presença em nossas praias, suas histórias e curiosidades, além de receitas e dicas para você preparar estas delícias em sua casa. O prato selecionado hoje é a tapioca, muito consumida na região nordeste do brasil, com forte presença no litoral.

É só você visitar qualquer destino do Nordeste que logo se depara com alguém vendendo Tapioca, essa delícia pouco conhecida na região Sul e Sudeste, nos últimos anos vem ganhando espaço e alguns restaurantes sofisticados já possuem Tapiocas Turbinadas em seus cardápios.

A Tapioca é originalmente um alimento indígena que caiu no gosto do brasileiro, por ter grande valor nutricional e principalmente pelo baixo custo. Sabemos que é muito comum na cultura indígena o consumo de raízes, entre elas a mandioca (também chamada de macaxeira ou aipim) é uma das mais importantes e utilizada como base da alimentação de muitas tribos do Norte e Nordeste. 

A Goma da Tapioca como é conhecida, técnicamente é a fécula extraída da mandioca, também chamada de polvilho, goma seca ou polvilho doce. A Tapioca é feita a partir dessa goma que quando peneirada sobre uma superfície quente, coagula-se formando um disco de massa selhante a uma panqueca. 

“A grande variedade de recheios tornou a Tapioca uma iguaria muito apreciada e consumida até fora do Brasil”

Essa delícia brasileira começou a ser apreciada e consumida pelo homem branco na época da colonização, quando os portugueses descobriram a Tapioca, o consumo era tão comum que a chamaram de "Pão do Brasil". Gostaram tanto da iguaria que começaram a incrementar seus recheios.

Cada localidade tem sua forma particular de consumir a Tapioca, o mais comum é comer ela apenas com manteiga ou margarina, em alguns locais com queijo coalho e goiabada, leite condensado e coco ralado, carne seca com queijo, mas quando se fala em tapioca para o turista as receitas ganham uma grande variedade de recheios que tornam essa uma iguaria incrível e com infinitas possibilidades.

COMO OBTER A GOMA DE FORMA ARTESANAL
A Goma, pode ser obtida a partir da mandioca ralada e batida no liquidificador, para conseguir isso deve-se descascar a mandioca, cortar em pedaços pequenos e bater no liquidificador com um pouco de água, depois passe esse líquido por uma peneira e em seguida a fibra por um pano e torça até extrair apenas um líquido mais fino, nessa etapa não interessa em nada a fibra da mandioca que ficará no pano.

Depois de extrair o líquido, o processo será deixar em um recipiente por cerca de 3 horas, até que o polvilho sedimente no fundo e um líquido de tonalidade amarelada fique por cima, esse líquido é chamado de tucupi, que também não será utilizado, já que o objetivo agora é apenas a obtenção do polvilho (goma) que ficará sedimentado no fundo.

Depois retire o tucupi e deixe apenas o polvilho (goma), o ideal é secar essa goma obtida até que fique em forma de torrões úmidos, para isso utilize um pano limpo e se preciso deixe por cercade 1 hora no pano.

Mas se você não quer ter esse trabalho todo não se preocupe, porque a Goma de Tapioca também pode ser encontrada em todo país, vendida desidratada, e o processo para hidratá-la é muito simples e fácil, é só acertar o ponto e é isso que vamos ensinar agora, vamos à explicação.


PREPARANDO A GOMA DESIDRATADA ENCONTRADA EM SUPERMERCADOS

Antes de preparar a Tapioca você deve umedecer a goma, isso tem que ser feito com antecedência de no mínimo 3 horas antes do preparo, o ideal é deixar de um dia para o outro.

A Goma comprada em Supermercados como já foi dito virá desidratada, então o primeiro passo é despejar esse pó branco (goma) em um recipiente grande, já que você precisará de espaço para trabalhar. Em seguida separe uma jarra com aproximadamente 500ml de água para cada 1 Kg de Goma, o único cuidado que se deve tomar nessa etapa é de ir colocando aos poucos a água para que a goma não fique úmida demais.

Coloque aproximadamente meio copo de água por vez e vá misturando a massa com as mãos até que se formem torrões, mas será preciso que toda a goma esteja com essa consistência de torrões, esse é o ponto ideal. Você perceberá quando passou do ponto se essa goma tiver consistência de uma massa brilhante que escorre entre os dedos, ai para corrigir e chegar ao ponto ideal deve-se acrescentar mais goma seca. Caso você não tenha separado um pouco de goma seca, não se desespere, pois você pode secar o excesso de água com um pano limpo.

Enfim a Goma está pronta para preparar a Tapioca, próximo passo será o processo de cocção da massa.


PREPARANDO A TAPIOCA NA FRIGIDEIRA

Para preparar a Tapioca você vai precisar apenas de frigideira antiaderente e uma peneira com malha média. Mas atenção, você não precisara untar a frigideira a massa se soltará sozinha.

- Pré-Aqueça a frigideira em fogo baixo.
- Coloque cerca de 3 colheres bem cheias de goma hidratada na peneira.
- Peneire os torrões até cobrir toda a superfície da frigideira.
- Deixe por cerca de 40 segundos e quando o disco começar a se soltar é só virar colocar o recheio e deixar por mais 40 segundos. Se quiser uma massa crocante deixe por mais tempo na frigideira.
- Após colocar o recheio é só servir como achar melhor, pode ser enrrolada, em meia-lua ou em disco.


SUGESTÃO DE RECHEIOS

A Tapioca pode ser doce ou salgada, fica ao seu critério, todas são muito boas e é difícil escolher a melhor opção, mas vejam algumas sugestões a seguir:

SALGADAS

Queijo Mussarela
Queijo Mussarela com Requeijão
Queijo Mussarela e Presunto
Queijo Mussarela e Presunto com Requeijão
Carne Seca 
Carne Seca com Requeijão
Camarão
Camarão com Requeijão
Frango com Requeijão
Brócolis com Requeijão
Calabresa com Requeijão e Cebola
Morango, Coco Ralado e Leite Condensado


DOCES
Coco Ralado com Leite Condensado
Coco Ralado e Banana com Leite Condensado
Coco Ralado com Doce de Leite
Coco Ralado e Banana com Doce de Leite
Coco Ralado e Banana com Leite Condensado
Banana com Doce de Leite
Banana com Leite Condensado e Canela
Morango com Leite Condensado
Morango e Coco Ralado com Leite Condensado
Geléia de Amora
Goiabada com Queijo Branco ou Coalho
Doce de Abóbora

Não existem limites, seja criativo e invente o seu recheio, tudo é possível usando a tapioca, que vai bem até com sorvete. espero que tenham gostado. 
Grande Abraço e até a próxima dica gastronômica.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Você no Blog Nordestinos Paulistanos
jornalista cidadão.
Envie textos
fotos,
vídeos
Cultura,história da cidade,causos,linguajar,poesia,cordéis e muito mais.

TV Nordestinos Paulistanos

Mais Acessadas